Governo dos Açores - Secretaria Regional da Educação, Ciência e Cultura - Direção Regional da Cultura

Belo, Joaquim José Gomes

[N. Retaxo, Castelo Branco, 12.2.1909] Licenciou-se em Ciências Biológicas pela Universidade de Lisboa, em 1931, seguindo a carreira de professor dos liceus. Professor efectivo, com exame de estado, em 1934, foi nomeado para o Liceu Manuel de Arriaga, na Horta, e tomou posse de reitor (o 13º) em Dezembro de 1936. Permaneceu na ilha por dez anos, desenvolvendo notável acção de organização e desenvolvimento pedagógicos. Assumiu também, em 1947, o cargo de director da Escola do Magistério Primário, quando esta foi criada.

Por inerência do cargo de reitor, foi um dos procuradores natos da Junta Geral do Distrito Autónomo, quando esta começou a funcionar. Exerceu ainda as funções de governador civil interino daquele distrito, entre 1942 e 1944.

Regressado ao continente, foi nomeado, em 1948, inspector do ensino liceal, em 1958, director-geral do ensino primário e em 1967 passou a inspector superior daquele grau.

Casou em Angra do Heroísmo com D. Branca Carvalhal do Canto Brum, ficando ligado por laços afectivos aos Açores.

Condecorado com o grau de comendador, foi depois elevado a grande oficial da Ordem da Instrução Pública (1972) e a medalha de mérito da Cruz Vermelha Portuguesa. J. G. Reis Leite (Jul.2000)

Bibl. Liceu Nacional da Horta (1953), O 1º Centenário do Liceu Nacional da Horta. Horta, LNH: 62-66.